Matérias As dez capas mais vendidas da Playboy no Brasil

Relembre as dez capas mais bem sucedidas da Playboy no Brasil. Famosa por revelar nudez desde os anos 1950, a revista revelou para o imaginário coletivo detalhes do corpo e da intimidade de celebridades durante os anos de sua história.

As dez capas mais vendidas da Playboy no Brasil

10. Sheila Mello
Na décima posição, a Loira do Tchan. Com o tema havaiano, a edição foi um sucesso nas bancas e vendeu mais de 725 mil exemplares.
 


9. Carla Perez
Quem não se lembra dessa loira que apareceu na telinha de shortinho, dançando na boquinha da garrafa e segurando o Tchan?
Em outubro de 1996 ela mostrou o porque de tanto alvoroço, alcançando a 9° edição mais vendida da Playboy no Brasil com 778 mil exemplares.
 


8. Joana Prado, a Feiticeira
Joana resolveu se despir do veuzinho da sua personagem e levou o público a loucura. Mais de 800 mil exemplares foram vendidos.
 


7. Tiazinha
Na época, a Tiazinha não era mais uma das atrações do programa H de Luciano Huck, mas mesmo assim nunca foi esquecida. Em março de 2000, resolveu presentear os fãs com um novo ensaio para a revista e vendeu 828 mil exemplares.
 


6. Marisa Orth
O sexto lugar fica com a atriz Marisa Orth, que além de bom humor tem um corpo de dar inveja. As super elogiadas pernas da atriz que na época interpretava a personagem Magda do humorístico Sai de Baixo, apareceram na Playboy de agosto de 1997 e agradaram e muito os leitores. Vendeu 835 mil exemplares.
 


5. Sheila & Sheila
Sheila Carvalho e Sheila Mello foram capas da edição de setembro de 1999. As duas dançarinas do grupo É o Tchan resolveram posar juntas para a revista, e é claro, foram um sucesso de vendas. As Sheilas posaram em um ambiente meio selvagem, na Amazônia, bem no estilo do Tarzan, que depois dessa mandou sua Jane para bem longe. Venderam 838 mil exemplares.
 


4. Sheila Carvalho
A morena do Tchan saiu na Playboy de fevereiro de 1998, depois de vencer o concurso para ser dançarina do grupo de axé. Além dos olhos verdes e do bumbum avantajado, a bela também era equipada de outras "cositas mas"...; Vendeu 845 mil exemplares.
 


3. Adriane Galisteu
A modelo e ex-namorada do piloto Ayrton Senna foi a atração da edição de agosto de 1995 e conseguiu que mais de um milhão de exemplares fossem vendidos. Ela ainda nem era tão famosa e causou polêmica ao posar em uma das fotos com uma lâmina na mão, pronta para se depilar.   
 


2. Tiazinha
Ela de novo, Suzana Alves que dava vida a personagem depiladora que deixava o público masculino enlouquecido. Ela foi capa em março de 1999 e chegou perto de alcançar a marca de 1.200.000 exemplares vendidos. Nem é preciso dizer que ela foi um fenômeno no país com seu espartilho, cinta liga e máscara.
 


1. Feiticeira
E na merecidíssima primeira colocação, ela, Joana Prado que virou sucesso depois de ser uma das atrações do programa H, de Luciano Huck. Com o corpo sarado, a edição de Feiticeira foi a mais vendida da história da Playboy Brasil, alcançando a marca de mais de 1.400.000 exemplares vendidos. Quem quiser descobrir a razão do sucesso é só procurar pela edição de dezembro de 1999.
 

Conseguiu escolher a sua modelo e capa preferida?  Boa leitura... 
 
Fonte: www.estrelando.com.br

26 de Abril de 2018
Ver mais notícias